quinta-feira, 13 de maio de 2010

Gratos ao Tejo

O Tejo, apesar de já não ter garoupas gigantes, ainda é base de sustento para muitas famílias.
Até 1960 eram frequentes, na zona do Mar da Palha, as garoupas e os neros com mais de 200 kgs.

1 comentário:

Rita disse...

Bela imagem de uma bela cidade.